Thalles pede perdão e afirma “Falei bobagens”

Compartilhe nas redes.

Arrependido, o artista mineiro disse que passou por um período de aconselhamento e reflexão, e decidiu se retratar. Será que é verdade? Até onde podemos acreditar no que pessoas polemicas como Thalles Roberto afirmam na frente de uma câmera?

Thalles pede perdão pela forma como tratou seus colegas cantores no passado. Esse foi o grande assunto dos evangélicos nas redes sociais nesta quinta-feira, 23 de março. Arrependido, o artista mineiro disse que passou por um período de aconselhamento e reflexão, e decidiu se retratar.

Bater em bêbado

Será que essa era a melhor expressão par um cristão usar ao se referir a seus irmãos em cristo? Será que cantores do setor “gospel” da musica cristã se tratam como irmãos°?

A polêmica começou em julho de 2015, quando o cantor anunciou que daria mais atenção ao mercado secular, pois no meio gospel só tinha “gente fraca” musicalmente falando, e que cantar nas igrejas era “bater em bêbado”.

“Eu sou diferente no meio gospel. Senhor, eu estou acima da média. ‘Você está acima da média porque você está no meio de gente fraca. Quero ver você ficar acima da média lá fora, na frente de Ben Harper, Usher, quero ver você lá fora’”, afirmou o cantor na ocasião, reproduzindo o que teria ouvido de Deus.

Será que realmente foi Deus falando com ele ou foi o ego dele se passando por Deus, ou pior, será que o ego dele já era o seu Deus a muito tempo e o cantor não sabia? Onde na bíblia nós encontramos Deus falando com Davi ou com Sanção dizendo que eles estavam acima da média e que Davi governando no meio de homens comuns era a mesma coisa que “bater em bêbado”?

O que aconteceu após as afirmações.

A repercussão foi ampla, cantores, pastores e principalmente o público repudiaram a postura do cantor, que demonstrava estar com o ego totalmente inflado (podendo até estar se passando por Deus, na consciência do cantor).  E aqui eu abro aspas. Confundir a voz de Deus com a voz de seu ego é sinal de uma pessoa que a muito tempo não tem ouvido ao Deus verdadeiro. Fecha aspas.

Desde então, Thalles tornou-se um artista esquecido pelo público, sem agendas. A Igreja Renascer abriu as portas a ele e sua esposa, e desde então, o cantor vinha atuando apenas como pastor na denominação, sem holofotes. Mas com um salário milionário vinha mantendo a sua vida de rei e se passando por pastor.

Segundo informações do também polêmico blog “O Fuxico Gospel“, o cantor de 37 anos de idade, que já foi integrante do grupo secular Jota Quest e Jamil e Uma Noites, estaria recebendo um salário “acima da média”, da Igreja Renascer em Cristo.

O cantor Thalles Roberto, que no mês de agosto foi consagrado a pastor da Igreja Renascer em Cristo, durante uma cerimônia chamada Santa Ceia de Oficiais que nada mais é que um encontro mensal que reúne as pessoas que possuem ministério na igreja que  está no centro de várias polêmicas.

De acordo com o blog os líderes da Renascer os apóstolos Sônia e Estevam Hernandes teriam adotado o ministério do pastor cantor, e que ele estaria recebendo um a “ajuda de custo” de 100 mil reais, para ministrar nas igrejas Renascer. Quem dera se todos os pastores que dão a vida por suas ovelhas recebessem 10% da ajuda de custo que esse possível  pseudo pastor recebe na Renascer.

O pedido de perdão.

Nesta quinta-feira, ele veio a público em uma transmissão ao vivo pelo Facebook, pedindo perdão aos que se ofenderam com suas declarações, e fazendo um mea-culpa, disse que não tentaria justificar seu erro.

“Eu não quero me justificar. Eu quero assumir o meu erro diante de todas as pessoas. Assumir o meu erro diante de todos os meus irmãos cantores, às pessoas que eu falei todas aquelas bobagens”, disse.

À época, Thalles ensaiou um pedido de desculpas após ser duramente criticado pelo cantor Leonardo Gonçalves, que publicou um artigo sucinto e contundente. No entanto, na ocasião, disse apenas que tratava-se de um mal entendido. Não havia admitido seu erro.

“Hoje eu entendo que chegou um tempo muito especial. Um tempo de pedir perdão às pessoas que ficaram magoadas porque, há um tempo atrás, um vídeo foi divulgado na internet de umas declarações que eu fiz. E machucou muita gente”, afirmou Thalles.




“Pude falar com Anderson Freire, falei com André Valadão, falei com Fernandinho, falei com a Bruna Karla, eu chamei os meus irmãos e falei, pedi perdão a eles. Pedi perdão a alguns pastores e vou continuar fazendo isso. Mas eu não podia fazer isso sem vir publicamente gravar este vídeo”, acrescentou, demonstrando consciência das consequências.

Realmente, falar com todos estes “popstar” da musica gospel é muito bom, mas será que ele falou com Deus? Será que ser cristão é ser assim? Falar bobagens, ver que errou e sair para viajar, sumir e depois voltar pedindo perdão. Será?

Assista ao vídeo na íntegra com o pedido de perdão de Thalles Roberto:

 

Compartilhe nas redes.

Comments are closed